Atalhos

Listas com links diversos

Menu

Contato

Vinho brasileiro: uma escolha para todas as ocasiões

Com estratégia focada na descomplicação do consumo, Consevitis-RS busca atrair público jovem e promover a democratização dos vinhos e espumantes nacionais

Publicado em

“Aprovou aquele projeto? Vai de vinho brasileiro!”

“Tem um date? Vai de vinho brasileiro!”

“Praia com os amigos? Vai de vinho brasileiro!”


É com essa abordagem que o Instituto de Gestão, Planejamento e Desenvolvimento da Vitivinicultura do Estado do Rio Grande do Sul (Consevitis-RS) apresenta o novo posicionamento institucional do vinho brasileiro. A estratégia foi dividida em três etapas, para atrair a atenção de diferentes públicos: consumidores iniciantes, experientes e adeptos de hábitos saudáveis. A primeira fase busca atrair o público jovem e promover a democratização dessas bebidas, trazendo o vinho para o centro das experiências cotidianas, integrando-o às situações do dia a dia, como uma conquista no trabalho, um encontro romântico ou uma saidinha para se divertir com os amigos.


O novo posicionamento do setor visa transformar a percepção e o consumo de vinhos e espumantes. A gerente de promoção para o mercado interno do Consevitis-RS, Cristina Carniel, destaca que o objetivo é mostrar que o vinho pode ser apreciado em diversos contextos da vida contemporânea. “Uma das estratégias-chave é descomplicar o consumo, apresentando diferentes formatos e abordagens”. A gestora ressalta a importância de simplificar a escolha do vinho para o consumidor, diante da variedade de rótulos disponíveis. Nesse sentido, a campanha destaca opções como tampas de rosca (screw cap) e vinho em lata, buscando alinhar-se com o estilo de vida e valores do público jovem.


Focado nas mídias digitais em território nacional, com vídeos curtos e ações com influenciadores, o novo posicionamento foi desenvolvido pela agência e21, a partir de um estudo exploratório encomendado pelo Consevitis-RS à consultoria Marcello Beltrand para identificar os principais desafios enfrentados pelo setor diante da dinâmica do mercado e da evolução do perfil do consumidor brasileiro. A pesquisa foi fundamentada em entrevistas detalhadas com representantes de diversos segmentos associados à vitivinicultura, incluindo lideranças do setor, produtores, varejistas, jornalistas, influenciadores digitais e representantes de órgãos públicos estaduais e federais.


Mercado em transformação

Conforme Beltrand, o diagnóstico apontou que há um mercado em transformação, em que as redes sociais apresentam um novo consumidor. Outra conclusão é que a multiplicidade de canais na oferta de vinhos (supermercados, padarias, postos de gasolina, e-commerce, entre outros) e a presença muito forte de produtos nas gôndolas dos grandes canais pode confundir o consumidor menos informado. 


“Há um grande potencial para trabalhar com os jovens brasileiros de 25 a 35 anos, que desconhecem completamente o mundo dos vinhos finos tintos, brancos, espumantes e vinho de mesa. O vinho suave, quando trabalhado de forma adequada, pode se tornar o primeiro degrau a ser percorrido pelo novo consumidor do vinho de mesa em direção ao vinho fino. Assim, vinhos doces, acessíveis e descomplicados são mais fáceis de beber pelo brasileiro que desconhece o mundo do vinho”, reflete o consultor. E acrescenta: “Um aspecto muito importante a ser considerado é o fato de que, levando em conta o tamanho do Brasil, pode-se dizer que o brasileiro bebe bebida gelada, já que a maior parte do país está no clima tropical. A comunicação deve contemplar temas como descontração, qualidade, estilo de vida e prazer”.


A iniciativa visa não apenas promover o consumo, mas também educar e despertar a curiosidade de novos apreciadores. Ao tornar o universo do vinho mais acessível e descomplicado, a campanha pretende conquistar tanto os não conhecedores quanto os iniciantes, incentivando uma maior apreciação e compreensão das nuances da bebida. A nova campanha publicitária do vinho brasileiro tem previsão de estreia no início de maio.


Foco também em experientes e suco de uva

Além dos consumidores iniciantes, o Consevitis-RS já planeja ações que visam expandir ainda mais o alcance e o impacto da indústria vitivinícola brasileira. Entre essas iniciativas, destacam-se campanhas direcionadas ao consumidor experiente, que busca aprofundar a relação desse público com os rótulos nacionais, explorando aspectos como qualidade, variedade e origem dos produtos. “Os consumidores experientes têm poder aquisitivo, consomem em lojas especializadas, valorizam rótulos, status, saúde. Eles têm cultura gastronômica, são entusiastas, exploradores, compartilham opiniões e apreciam o estilo de vida, além de valorizar a experiência e viagens”, salienta Beltrand.


O Consevitis-RS também está preparando uma campanha específica para promover o suco de uva, reconhecendo sua importância como uma alternativa saudável e saborosa para os consumidores de todas as idades. “Para o suco de uva, a comunicação irá mirar diferentes grupos de consumidores: famílias - pais, e crianças e idosos, para quem o suco entra como alimento que compõe o lanche saudável e as refeições da família, adultos saudáveis (esportistas, veganos, entre outros) e idosos, que valorizam produtos nutritivos na sua dieta diária”, explica Beltrand.


O Consevitis-RS desempenha um papel fundamental no apoio, difusão e financiamento das demandas relacionadas à produção de uvas, vinhos, sucos de uva e produtos derivados. Sua atuação é possível graças ao convênio assinado em fevereiro de 2023 com a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária, Produção Sustentável e Irrigação (Seapi). Por meio do Fundo de Desenvolvimento da Vitivinicultura (Fundovitis), o instituto executará, ao longo de três anos, projetos de apoio, difusão e financiamento de demandas relacionadas à produção de uvas, vinhos, sucos de uva e demais produtos derivados no âmbito agrícola, produtivo, técnico, promocional, cultural, ambiental, jurídico e institucional.


Movimento de valorização do vinho gaúcho

Uma das composições mais emblemáticas do cancioneiro do Rio Grande do Sul, “Querência Amada” é a trilha sonora de um vídeo institucional criado pelo Consevitis-RS para reforçar a campanha de valorização da produção vitivinícola gaúcha. Composta por Teixeirinha, a canção, lançada em 1975 no disco “Aliança de Ouro”, traz em seus versos uma exaltação à uva e ao vinho, bem como aos parreirais que pontuam a paisagem de diversas regiões do estado. A letra valoriza ainda o acolhimento do povo gaúcho, que neste momento enfrenta as consequências da maior enchente de sua história.


A peça se soma a outras iniciativas para estimular o setor vitivinícola do estado, como forma de apoiar produtores de uva e vinho impactados pela intempérie. Uma delas é um selo especial para destacar os rótulos gaúchos nos pontos de venda, tanto no Rio Grande do Sul quanto em outros estados. O selo está sendo distribuído entre as vinícolas associadas às entidades que compõem o Consevitis-RS (Uvibra, Agavi, Fecovinho e ACIU) com o objetivo de chamar a atenção do consumidor para a origem do produto, incentivando a compra e contribuindo para a movimentação do setor. O selo também está disponível para download em versão para impressão e digital.


>> Todos os materiais da ação em prol do vinho gaúcho estão disponíveis para download neste link.


A campanha conta ainda com uma carta aberta em agradecimento às milhares de manifestações de solidariedade e carinho aos gaúchos vindas de todo o Brasil, por meio de doações e ações de voluntários.


Sobre o Consevitis-RS

O Instituto de Gestão, Planejamento e Desenvolvimento da Vitivinicultura do Estado do Rio Grande do Sul (Consevitis-RS) atua no apoio, difusão e financiamento de demandas relacionadas à produção de uvas, vinhos, sucos de uva e demais produtos derivados no âmbito agrícola, produtivo, técnico, promocional, cultural, ambiental, jurídico e institucional. O instituto também está envolvido em programas de ensino, pesquisa, extensão e inovação, visando ao constante desenvolvimento e aprimoramento do setor vitivinícola.


Consevitis-RS | Assessoria de Imprensa

Diego Adami | Sublinha! Comunicação

diegoadami@sublinha.com.br | (54) 98111-6007


Mais Notícias

Ver mais